jusbrasil.com.br
29 de Março de 2020

Motivos para fazer um curso de Tecnólogo em Serviços Jurídicos

Curso novo, novas oportunidades.

Dr Fabiano Silva de Andrade, Advogado
ano passado


Anteriormente tratei dos motivos para não fazer o curso de Tecnólogo em Serviços Jurídicos, se você não leu, acesse através do link:

https://fabianompt.jusbrasil.com.br/artigos/493236390/motivos-para-nao-fazer-um-curso-de-tecnologo-e...

E agora vou apresentar os motivos para dizermos SIM ao referido curso.

1 - TEMPO

Sim, o curso de tecnólogo possui uma vantagem sobre o curso de bacharel em Direito, o tempo de duração.

De um lado temos o curso de bacharel com 5 anos de duração, ou seja, 10 semestres. Mas do outro lado temos o curso de tecnólogo que dura muito menos, cerca de 3 anos de duração, alguns duram apenas 2 anos.

Ou seja, a pessoa consegue ingressar no mercado de trabalho com uma boa formação em menos tempo.

2 - INVESTIMENTO

Outro aspecto que me chama a atenção é o valor a ser investido. Os cursos de bacharel em Direito custam em média R$ 1.000,00, mas os cursos de tecnólogo em Direito chegam a custar metade do preço. Os valores variam conforme as instituições de ensino escolhidas.

Em tempos de crise financeira no Brasil, essa característica do curso pode ser uma boa alternativa para quem pretende ser advogado no futuro, mas não tem tempo e nem dinheiro no momento.

Ademais, pessoas que não pretendam ser advogado, mas somente obter um curso de nível superior no currículo também serão beneficiadas com este curso. Igualmente quem pretende entrar nesta nova porta de mercado ainda pouco explorada,mas com excelentes expectativas de futuro.

3 - MERCADO DE TRABALHO

A crise pode criar novas oportunidades. O salário base de um advogado no Estado de São Paulo, por exemplo, é de R$ 3.057,50. Valor alto em tempos de crise econômica. Em contrapartida, o salário do tecnólogo é menos da metade deste valor, ou seja, para o empregador compensa contratar dois tecnólogos pelo preço de um advogado.

4 - GRADE CURRICULAR

A grade curricular costuma variar, mas geralmente a base é igual em todos os cursos. Vejamos um exemplo:

  1. Legislação Trabalhista;
  2. Legislação Cível;
  3. Legislação Processual;
  4. Arquivamento e gerenciamento processual;
  5. Organização Judiciária;
  6. Gerenciamento;
  7. Métodos e técnicas administrativas;
  8. Redação Jurídica;
  9. Ética;
  10. Organização de serviços de registro e Notariais.

É uma boa grade, pois prepara os novos profissionais para serem absorvidos por escritórios de advocacia, contabilidade, cartórios, empresas do ramo jurídico, seguradoras, sindicatos, entre outros.

E claro, o profissional desta área poderá fazer uma especialização após terminar o curso e focar numa área de atuação. Exemplo: tecnólogo é contratado por escritório de advocacia trabalhista, então ele pode fazer uma pós graduação em Direito do Trabalho.

5 - FATOS INTERESSANTES

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) tentou barrar a criação do curso de tecnólogo, mas não conseguiu.

Sinceramente, eu acredito que as pessoas temem aquilo que não conhecem.

Está claro que os tecnólogos tem seu espaço no mercado e não pretendem exercer a advocacia, ou seja, não estamos falando advogados tecnólogos, mas sim em paralegais, figura comum na justiça americana.

E o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) decidiu que o curso de tecnólogo em Serviços Jurídicos é lícito, portanto, não se deve mais ter medo de começar a pensar num futuro promissor e próspero para estes novos profissionais.

Assim, apresento alguns dos motivos para dizermos SIM ao curso de tecnólogo em Serviços Jurídicos e Notariais ou Tecnólogo em Direito, como preferir.

Deixo um abraço aos novos profissionais e estudantes deste curso. Deus abençoe esta nova fase!

Gostou? #compartilhe

Acesse mais em www.facebook.com/doutorfabianoandrade

#tecnologoemdireito #tecnologoserviçosjuridicosenotariais #tecnologo #direito

11 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Tenho 2 dúvidas:
1) Esse curso de Tecnólogo "gestão de serviços juridicos e notariais" confere o título de Graduação de Direito?
2) A Graduação conferida por esse curso Tecnólogo pode ser utilizada para ingresso em concursos públicos que exijam Graduação de Direito, como por exemplo Analista Jurídico de Tribunais de Justiça e Ministério Público? continuar lendo

1) graduação em Tecnólogo em gestão de serviços jurídicos e notariais
2) Depende do edital. Vale lembrar que a posição atual da OAB é contrária ao curso, mas outras instituições apoiam o tecnólogo jurídico. continuar lendo

Nao confere o mesmo titulo. Voce será formado em gesto de servicos juridicos e notoriais. continuar lendo

Estou fazendo e é um curso maravilhoso, façam porque eu recomendo. continuar lendo

fazendo este curso vou poder prestar concurso onde exige o curso de direito? nao especificando bacharelado. continuar lendo

Depende do edital, se existir a opção "curso de nível superior", sim. continuar lendo

Depois que eu concluir o tecnólogo posso aproveitar as matérias em uma faculdade de direito? continuar lendo

Acredito que sim. Mas deve verificar a grade curricular da instituição pretendida. continuar lendo